Dia da Toalha | 10 maneiras de celebrar o Orgulho Nerd com crianças

Dia 25 de maio é comemorado o Dia da Toalha, uma data oficial para os nerds que celebra Douglas Adams, o escritor da série Guia do Mochileiro das Galáxias. Além de uma série de livros, O Guia também virou um filme em 2005 e tem várias outras obras derivadas. O clássico de ficção científica recheado de humor britânico faz parte da biblioteca de todos os nerds e as suas referências são muito utilizadas em várias coisas que também fazem parte desse universo.

O hype é tamanho, que há quem diga que o 25/05 é o Dia do Orgulho Nerd (a data também é compartilhada com fãs de Star Trek e Discworld), e foi apropriada por empresas que falem com esse público. Você pode chamar do que quiser, afinal, qualquer motivo para celebrar é um bom motivo. O importante é comemorar e compartilhar com as crianças!

Como O Guia do Mochileiro das Galáxias é um livro de ficção científica com um tipo de humor mais refinado – além de fazer piadas com linhas temporais de viagens no tempo e física quântica – talvez seja melhor esperar um pouco para deixar que as crianças leiam os livros. Mas nunca é muito cedo para apresentar alguns elementos da história para os pequenos, por isso pensamos em 10 atividades para celebrar o Dia da Toalha em família!

1. Criar uma poesia Vogon

prato

Não, pera. A gente não quer que você submeta sua criança a uma das piores formas de tortura do universo! A ideia é recortar várias palavras de impressos diferentes – vale jornais, revistas, panfletos de propaganda (não vale: livros e HQs!) – e colocar as palavras em um saco de papel. Lembre-se de colocar preposições e artigos também. Daí vocês se revezam tirando palavras do saco e montando sua própria poesia Vogon. Ela não precisa fazer sentido, mas precisa ser muito, muito, muito longa!

2. Fuja da Terrível Besta Voraz de Traal

boy-covering-eyes

Segundo o Guia do Mochileiro das Galáxias, a Terrível Besta Voraz de Traal é um animal estonteantemente burro, que acha que, se você não pode vê-lo, ele também não pode ver você. Vocês podem brincar de pega-pega: o pega é a Besta e ele não pode pegar quem estiver com os olhos cobertos – afinal, não consegue vê-los. Quase um pique-esconde ao contrário. Essa atividade é legal com um número maior de pessoas.

3. Construa seu próprio Marvin 

388_214502580353f0b617890475.76918556

Marvin, o Andróide Paranóide, é o robô de bordo da nave Coração de Ouro e um dos personagens mais queridos e icônicos d’O Guia, apesar de sua personalidade maníaco-depressiva com tendências suicidas. Apesar de ter sido eternizado como um robô cabeçudo com olhos triangulares verdes, o livro não descreve Marvin, ou seja: vocês podem construí-lo do formato que quiserem, usando os materiais que quiserem. E não vai ser preciso nenhum conhecimento avançado em robótica: o Marvin de vocês fica lá parado no canto porque, afinal, qual seria o propósito em se mexer? (;

4. Celebre o nosso criador Megarresfriadon Verde


De acordo com o povo de Viltvodle VI, tudo que o há no universo foi espirrado do nariz do Megaresfriadon Verde. A gente sabe que eles são tranquilos em relação ao culto de imagem, então nada melhor do que reproduzir a criação do universo criando uma grande meleca caseira. O Iberê Thenório, do Manual do Mundo, ensina a fazer uma com ingredientes super fáceis de encontrar – e você pode adicionar glitter pra ficar ainda mais estelar. Atchim!

5. Fazer um vaso de petúnias (e comê-lo)

Esse vaso de petúnias não vai ser materializado do nada a partir do uso de um Gerador de Improbabilidade, mas quando ele entender que será devorado, talvez também pense “Ah, não. Outra vez!” Como petúnias não são flores fáceis de se achar por aqui – e certamente não são comestíveis – vocês podem fazer esses vasinhos de hortelã e biscoito recheado.

6. Inventar uma receita de Dinamite Pangalática (e bebê-la)

extreme_milkshake_02

É possível que menores de idade – mesmo que o conceito de idade e tempo seja relativo – não tenham autorização para beber uma Dinamite Pangalática, e que nem mesmo o Milliways faça uma para uma criança, afinal,  o Guia informa que beber uma Dinamite Pangaláctica causa um efeito semelhante a ter o crânio esmagado por uma fatia de limão envolvida em uma barra de ouro de bom tamanho. O Guia também dá uma receita cheia de ingredientes inventados para a Dinamite Pangalática, e nada impede que você faça um milk-shake bem maluco para beber com os pequenos. Nesse caso, sugiro deixar a azeitona de fora.

7. Até mais e obrigada pelo lanche!

 

Quando o Dia da Toalha cai no meio da semana – ainda que seja em véspera de feriado – o jeito é embrulhar as referências para viagem. Dá pra caprichar no lanche da escola e homenagear as criaturas mais inteligentes da terra: os ratos e os golfinhos – ou dá pra preparar um café-da-manhã ou lanche temático com elas.

8. Fazer um Guia para um Pequeno Mochileiro das Galáxias

il_340x270.958647102_gp0n

Quais são as coisas mais importantes que a sua criança acha que precisa informar às outras pessoas? Que tal pegarem um caderno e saírem criando verbetes e descrições para coisas do dia-a-dia de vocês? Pode ser coisas como “avós: as pessoas pensam que são velhinhas de cabelo branco, mas algumas têm cabelo loiro e não sabem assar biscoitos, só fazer macarrão” e qualquer outra coisa que vier a mente, afinal, as descrições das crianças se parecem bastante com as descrições do Guia. Depois vocês podem se divertir customizando a capa do caderno.

9. Customizar uma toalha

2013-06-09-20.11.16

“O Guia do Mochileiro das Galáxias faz algumas afirmações a respeito das toalhas. Segundo ele, a toalha é um dos objetos mais úteis para um mochileiro interestelar.” Além de útil, ela pode ser única. Que tal pegar umas tintas para tecido e customizar a toalha do jeito que vocês quiserem? Ou ainda aproveitar a oportunidade e ensinar crianças maiores que bordar ponto-cruz é que nem jogar Minecraft no modo hard? A experiência de customizar uma toalha pode ser inesquecível, assim como a própria toalha deve ser.

10. Não esquecer a toalha

Sair pela cidade e tirar fotos em lugares inusitados carregando a sua toalha. Adultos fazem isso o tempo inteiro, então é hora de fazer o mesmo com as crianças. Não precisa ser a toalha que vocês customizaram acima, pode ser uma dessas toalhas nerds incríveis que já mostramos aqui no blog. Se divirtam, faça poses malucas e além de não esquecer a toalha, também não esqueça de mandar as fotos pra gente pelo Facebook, Instragram ou usando a tag #pequenosmochileiros.

Nanda Café

Nanda Café

Feminista que faz ballet e adora cor-de-rosa. Gosta de RPG, fantasia medieval, anime água-com-açúcar e é #teammarvel apesar de Sandman ser da Vertigo. Começou a estudar Quenya, mas como não dava pra fazer isso enquanto comia, desistiu de ser elfa e admitiu para si sua natureza hobitesca.
Nanda Café

Talvez você goste de: