DC | Bonecas Super Hero Girls da Mattel são sucesso de vendas

Você já assistiu DC Super Hero Girls? Quando li a notícia do lançamento dessa série aqui no site fiquei super empolgada, há pouquíssimos desenhos com heroínas protagonistas. Assisti alguns episódios no Youtube e apesar deles carregarem alguns clichês de “desenhos de meninas” acho que é um avanço nessa cultura que nos enfia princesas goela abaixo, e,  para nos deixar ainda mais contentes a Mattel finalmente lançou a linha de bonecas e os resultados de venda já estão surpreendendo.

Enquanto a sabedoria convencional na indústria de brinquedos dizia que meninas não se interessavam por figuras de ação, as primeiras vendas da Mattel provam o contrário.

A linha DC Super Hero Girls apresenta as famosas Mulher Maravilha e Supergirl entre outras heroínas e algumas vilãs, como a Harley Quinn, em bonecas de 30 cm e figuras de ação de 15 cm.

A linha ainda possui uma série de vídeos e jogos para celular.  Isso prova que se você fizer figuras de ação para meninas, elas vão sim se interessar por eles e ainda vão enriquecer a fábrica que os idealizou, como a Mattel constatou no balanço trimestral de lucros.

A estreia foi muito boa. Mesmo com as vendas iniciadas em março e restrita às lojas Target, o presidente da Mattel, Richard Dickson, estava otimista o suficiente sobre o seu potencial. A linha vai à venda de forma mais ampla, em junho.

tumblr_o076it1YLc1szp73uo2_1280.png

A indústria de brinquedos está aprendendo e ouvindo o mercado, por conta disso lentamente disponibiliza  figuras de ação do sexo feminino, ainda que cobrem muito mais por isso.

Esses dias eu estava procurando uma boneca da Mulher Maravilha para a minha filha e descobri que ela custava MUITO mais cara que o Super Homem e Batman da mesma linha.

Recentemente a Hasbro foi bombardeada pelos consumidores e meios de comunicação por não vender a boneca da Rey, a protagonista de Star Wars: O despertar da Força, ao lado dos seus homólogos masculinos.

A desculpinha de que a empresa não queria revelar um grande ponto de virada do filme não colou, uma vez que o mesmo aconteceu com Viúva Negra na série de  brinquedos do filme Os vingadores: A Era de Ultron, apesar dela ter sido  figura-chave na sequência. Há dezenas de casos semelhantes a esses, por isso a iniciativa da Mattel é tão importante.

A linha de brinquedos da Mattel DC Super Hero Girls, caracteriza as super heroínas  como adolescentes e estudantes do Ensino Médio, o destaque fica para os uniformes não sexualizados e confortáveis, aliás um dos episódios da série faz piada a respeito disso, achei bem legal. 

la-et-ct-toy-industry-hollywood-star-wars-2016-001

O interessante dessa história é que a Mattel está contando com as vendas dessa nova linha num momento pouco propício para inovações, uma vez que perdeu seus direitos para vender brinquedos baseados em Princesas da Disney, uma franquia no valor de pelo menos $ 300 milhões por ano, sem contar com o declínio de  vendas de seu carro-chefe Barbie e American Girl.

A Mattel e Target não hesitam em chamar a atenção para projeto como uma visão de futuro dos brinquedos, classificando-os como as primeiras figuras/bonecas de ação para as meninas. Uma indireta muito clara para a concorrente Hasbro, que insiste em perpetuar esteriótipos.

Acho difícil os novos brinquedos ultrapassarem a vendas das famosas Barbies,  ou substituirem completamente as Princesas da Disney. Ainda assim, ouvir clientes e responder ao mercado não é uma má estratégia para uma empresa à procura de um novo nicho. Eu particularmente fico feliz, uma vez que minha filha ama a Mulher Maravilha e apesar de “estar na moda” e por isso encontrar muitos produtos no mercado eles ainda são escassos.

Joyce Recco

Sou uma professora feliz da Rede Pública, mãe da Alice (3) e do Arthur (3 meses). Adoro fazer listas, organizar e criar coisas. Sou apaixonada por literatura infantil, culinária, DIY e fotografia. Curto ficção Científica, gosto que aprendi com a minha Pac Mãe. Adoro Star Wars, Star Trek e fico muito chateada com a competição que o pessoal faz entre as duas franquias, coração de mãe é grande e tem espaço para todo mundo!

Últimos posts por Joyce Recco (exibir todos)

Talvez você goste de: