Avatar | A magia, as artes marciais e o encantamento da Lenda de Aang – Parte 1

Antes de começar o texto de hoje, quero explicar que a minha ideia aqui no Pac Mãe não é trazer para vocês somente sugestões de filmes e animações recém lançadas. Quando a gente tem crianças em casa o mundo dos desenhos é uma eterna descoberta.

Muitas vezes um lançamento ainda não é apropriado para a idade dos nossos pequenos. Em outros casos, somos pais e mães recentes descobrindo todo um universo novo de possibilidades de diversão junto com as crianças. Por isso, me darei a liberdade de trazer aqui boas indicações, mesmo que os filmes ou desenhos sejam mais antigos.

images (5)

Isso explicado, venho aqui falar hoje para vocês sobre Avatar: A Lenda de Aang (Avatar: The Last Airbender, 2005), uma série animada da Nickelodeon com 61 episódios divididos em 3 temporadas (chamadas na série de livros 1, 2 e 3) criada e produzida por Michael Dante DiMartino e Bryan Konietzko.  A série está disponível em DVD e também no Netflix, dublada em português.

Se pudesse deixar aqui apenas uma rápida dica, seria essa: não deixe de conhecer Avatar! Não deixe de mostrar essa série para seus filhos. Apesar da temática que mescla artes marciais (em especial kung fu, mas a série também traz posturas do Tai Chi Chuan) com magia, temática geralmente considerada mais masculina – coisa que discordo completamente, esse não é nem de longe um desenho voltado somente para os meninos.

A saga tem personagens femininos fortíssimos (literalmente, não só na personalidade), os quais detalharei mais adiante, além de personagens masculinos bastante sensíveis e uma narrativa muito bem estruturada, interessante e profunda.

Avatar-Cast-Collage-avatar-the-last-airbender-20397292-1024-683

O Universo de Avatar é muito bem construído, aliás, o que deixa os marmanjos alucinados junto com as crianças. Na história da série, existem quatro nações diferentes, representando os quatro elementos:  Nômades do Ar, Tribo da Água, Nação do Fogo e Reino da Terra. Em cada nação existem os dobradores ou dominadores, pessoas com o poder místico de controlar (ou dobrar, se preferirem) esses elementos. O Avatar, ou “O Escolhido” (beijo, Neo!) é o único ser capaz de dominar os quatro elementos e, assim, manter a harmonia entre os povos.

Quando o Avatar morre, reencarna novamente em um novo ser. Na encarnação apresentada na série, o escolhido aparece como o simpático e sorridente menino carequinha com uma tatuagem de seta na cabeça, o jovem Aang. Ele passou cem anos congelado e quando desperta, encontrado pelos irmãos da tribo da Água, Katara e Sokka, descobre que a Nação do Fogo declarou guerra contra as outras tribos, e que além de Avatar, ele é o último dobrador de ar conhecido.

index

Aos 12 anos de idade o moleque descobre: que ficou apagado durante 100 anos; que sua tribo e, consequentemente, todos os que ele conhecia estão mortos; que as nações estão em guerra, algumas delas sendo exploradas ou dizimadas; que a sua cabeça está a prêmio e que a salvação do mundo depende dele. É responsabilidade pacas ser a esperança da humanidade, né? Mas, quer saber? Aang encara isso tudo numa boa, sem quase nunca perder o bom humor e o jeitão bonachão e “de bem com a vida”. Afinal, nem tudo é assim tão ruim: ele tem novos amigos dispostos a ajudá-lo e, seu poder, ainda desconhecido, é imenso.

Assisti junto com meu filho Samuel, de 7 anos, todos os episódios (às vezes assistíamos dois de cada vez, na sequência), e posso dizer que ele amou, acompanhou tudo, torceu, vibrou e, assim como eu, se viciou!

As artes Marciais em Avatar

Eu não vou aqui me meter a falar sobre artes marciais chinesas, assunto que nem de longe é minha especialidade, mas acho que esse vídeo mostra bem as inspirações de cada movimento dos dominadores de elementos e suas equivalências nas artes marciais. Muito iteressante!

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=iisrUSi7Kgw]

E na segunda-feira, dia 24, publicaremos a segunda parte do texto sobre Avatar – a Lenda de Aang, com um detalhamento dos personagens e minhas considerações finais! Até lá!

Kathy

Kathy

Jornalista, sonserina, lannister, malkaviana, dobradora do reino da Terra, distrito 3. Transmito o legado nerd ao meu rebento, Samuel, que, pobrezinho, já reclama que ninguém da escola sabe quem é Sauron e nem fazem ideia do que significa conjurar um patrono.
Kathy

Talvez você goste de:

  • Andrezza

    Ha pouco tempo descubri Pac mae e to amando! Que bom vcs sugerindo esse desenho que eu acho o maximo!!!
    Meus filhos o descubriram ha alguns meses no Netflix e tambem se viciaram!! Depois de ver as 3 temporadas eles ainda re- vem varios capitulos pq “gostaram muito”. Eles tem 10, 7 e 5 anos. A de sete, menina, se sentiu super feliz de ver personagens femeninos tao fortes e importantes. depois de assistir um capitulo e durante o dia brincam de Avatar, fazendo os movimentos de mestres agua, terra, fogo e ar.
    Eu tambem ficava vendo com eles e adorei pq fala de filosofia, meditacao, amizade, etica e amor!!
    Super recomendado!!!
    Agora eles querem ver a lenda de Kora (nao sei como se escreve…), voces conhecem?
    Andrezzaa