LEGO | Minifigs das mulheres do judiciário dos EUA

scotus-women-lego-legal-justice-league-weinstock-03

 

A Suprema Corte dos EUA foi criada em 1879, mas só 192 anos depois, em 1981, a primeira mulher foi nominada para ocupar um cargo. Sandra Day O’Connor foi indicada pelo presidente Ronald Reagan. Hoje a Corte tem em seus 9 assentos três outras mulheres: Ruth Bader Ginsburg, Sonia Sotomayor e Elena Kagan.

Atenta à disparidade de representação, a jornalista Maia Weinstock – que é criadora de conteúdo científico para crianças e editora do jornal do MIT (Massachussets Institute of Technology) – criou um set de LEGO com minifigs que representam todas as ministras que já passaram pela Suprema Corte dos EUA.

scotus-women-lego-legal-justice-league-weinstock-01

 

Aqui no Brasil a situação não é muito diferente: o Supremo Tribunal Federal foi criado em 1891, mas só teve a primeira ministra no ano de 2000. Ellen Gracie, indicada por Fernando Henrique Cardoso, aposentou-se em 2011 e foi substituída por Rosa Weber, indicada por Dilma Rousseff, que já havia indicado Carmen Lúcia Dantas, atual vice-presidente do STF. Hoje, a representação feminina no STF é de 20%, lembrando que mulheres são 50% da população em geral. O set de LEGO Brasileiro seria ainda menor do que o dos EUA.

scotus-women-lego-legal-justice-league-weinstock-04

Infelizmente, nenhum dos dois está disponível. Weinstock afirma em seu site pessoal que submeteu o projeto à plataforma colaborativa LEGO Ideas, mas ele foi recusado por causa da regra da companhia de “nada de política ou símbolos políticos”. Aaaah… ):

 

 

Nanda Café

Nanda Café

Feminista que faz ballet e adora cor-de-rosa. Gosta de RPG, fantasia medieval, anime água-com-açúcar e é #teammarvel apesar de Sandman ser da Vertigo. Começou a estudar Quenya, mas como não dava pra fazer isso enquanto comia, desistiu de ser elfa e admitiu para si sua natureza hobitesca.
Nanda Café

Talvez você goste de: