Review | Guia das séries: top 10 das minhas favoritas de todos os tempos

guias

Já tem alguns dias que chegou aqui no Pac Mãe o livro Guia das Séries, de Priscilla Harumi e Vana Medeiros (selo Generale – Editora Évora) e desde então fiquei obcecada por ele. Tão obcecada que estou andando com ele na mochila pra cima e pra baixo e lendo no ônibus, na hora do almoço e quando dá um tempinho.

Daí que resolvi escolher as minhas dez séries preferidas entre as 100 que estão no livro, sendo que já assisti 56 delas (considerando aí como assistidas somente as que acompanhei no mínimo uma temporada completa). Resolvi também deixar as séries obviamente nerds que eu amooooooooo (como Doctor Who?, X-files, Breaking Bad, Game of Thrones, True Blood, Dexter, The Walking Dead e Supernatural, por exemplo) de fora, para explorar outras temáticas.

LV363761_N

 

Mas, olha, que escolha difícil! Sou dessas que pego muito amor pelos personagens, que torce pelos casais e sofre nos finais de temporadas, me sinto traindo meus personagens favoritos quando escolho uma série e deixo outra de lado! E pra fazer ranking, então? Uma dificuldade sem fim, mas acho que cheguei num consenso.

Todas as informações sobre as séries e as curiosidades citadas estão no Guia, que eu recomendo fortemente – super completo, informativo e divertido de ler. Ah, só usei no meu top 10 as séries que estão no livro, mas farei um adendo com as minhas queridinhas que não estão! Então vamos lá…

10 – The Wonder Years

NEhXBJqKxKnxlm_1_b

 

Seis temporadas – 115 episódios (31/01/1988 – 12/05/1993)

Música tema: a maravilhosa With a little help from my friends, Joe Cocker

Meu personagem favorito: Kevin Arnold (Fred Savage)

Por que eu amo: Os anos 60, o olhar do Kevin adulto para os acontecimentos da sua adolescência, a delicadeza, os ensinamentos (suspiros), e se eu continuar aqui escrevendo o tanto que eu amo Anos Incríveis vou tirar a série dessa décima posição rapidinho… Já estou achando injusto! rs

Curiosidade retirada do livro “Guia das Séries”: “A série foi inspirada no filme Uma História de Natal, de 1983, que contava as artimanhas de um garoto que queria dos pais uma espingarda de chumbo como presente de Natal. O filme tem uma visão nostálgica dos anos 1940, baseada na história autobiográfica do humorista Jean Sheperd.”

Tem no Netflix Brasil? Não 🙁

9 – Modern Family

8f9d854ffa7b236f921c0445cbd0ee53

Cinco temporadas (até 2014)

120 episódios (23/09/2009 – no ar)

Música tema: Modern Family theme song, Gabriel Mann.

Meu personagem favorito: sabe quando uma série é tão legal que você ama todo mundo e acha que se alguém faltar perde a graça? Então!

O cara que eu pegaria: ninguém!! Bom, talvez a Sofia Vergara (Gloria Delgado-Pritchett) O_o ahahahahah

Por que eu amo: Porque me faz gargalhar, porque foge de tudo o que é considerado tradicional e, principalmente, porque mostra uma família que consegue se manter unida o tempo todo, mesmo diante de todas as diferenças. Amor demais!

Curiosidade do livro “Guia das Séries”: “Nolan Gould, que interpreta o idiota Luke Dumphy na série, é membro da Memsa, associação que reúne pessoas com inteligência acima do normal, desde que tinha 4 anos de idade”. Ok, essa me surpreendeu! ahahahaha

Tem no Netflix Brasil? Sim, 4 temporadas!! \o/ Aqui

8 – Sex And The City

o-sex-and-the-city-570

Seis temporadas – 94 episódios (06/06/1998 – 22/02/2004)

Música tema: Sex and The City theme song, Groove Armada.

Meu personagem favorito: Miranda Hobbes (Cynthia Nixon).

O cara que eu pegaria: Steve Brady (David Eigenberg)

Por que eu amo: Tecnicamente Sex and The City não tem nada a ver comigo: esse universo fashion, a obsessão por roupas, bolsas, jóias e sapatos, e o mundo glamouroso das amigas passa bem longe do meu estilo de vida. O que me conquista na série são as protagonistas mulheres fortíssimas e cheias de personalidade, a amizade sincera das quatro, o bom humor e, principalmente, a identificação imediata com todos as idas e vindas nos relacionamentos amorosos de cada uma delas. Adoro!

Curiosidade do livro “Guia das Séries”: “O programa se tornou tão popular que existe um tour de ônibus na cidade de Nova York para ver os locais das gravações.” Achei amor!!! <3

Tem no Netflix Brasil? Não 🙁 Só o primeiro filme, mas já dá pra ter um gostinho. Aqui.

7 – The Big Bang Theory 

download

Sete temporadas (até 2014) – 159 episódios (24/09/2007 – no ar)

Música-tema queriiiiidaaaaa: The Big Bang Theory theme song, por Barenaked Ladies.

Meu personagem favorito: Sheldon (Jim Parsons).

O cara que eu pegaria: Kunal Nayyar, ele mesmo, não o Raj 😉

Por que todos odeiam: Rolam vários preconceitos com TBBT. No meio nerd é comum chamar de “bazzingueiros” os fãs da série, insinuando que não são “nerds de verdade”, como se existisse um ranking de nerdice ou algo assim. Reclamam também que os personagens são retratados como idiotas e estereotipados. Também dizem, principalmente no meio feminista, que a série é machista, preconceituosa e homofóbica e que não tem mulheres nerds na série. Quanto peso, né? (aliás, acho esse guest post do blog da Lola bem fraquinho de argumentos)

Por que eu amo? Identificação, mais uma vez. São mais de vinte anos circulando nesse meio nerd/geek e conhecendo Sheldons, Leonards, Rajs e Howards por aí, em suas versões femininas e masculinas. Eu mesma me vejo um pouco em cada um deles. Não me incomoda de imediato a “falta de representação”, pelo contrário. Dou muita risada com o programa e pode chamar de bazzingueira à vontade, “I am what I am”, beibe.

Curiosidade do livro “Guia das Séries”: “a incapacidade de Raj de falar com mulheres foi inspirada por um antigo colega de trabalho do produtor Bill Prady, de quando ele trabalhou em uma empresa de computação”. Pois é, embora muitos achem forçado, eles existem aos montes por aí!

Tem no Netflix Brasil? Não 🙁

6 – Seinfeld

seinfeld

Nove temporadas

180 episódios (05/07/1989 – 14/05/1998).

Música tema: clássico – Seinfeld Theme, Jonathan Wolff.

Meu personagem favorito: Jerry Seinfeld (Jerry Seinfeld).

O cara que eu pegaria: bom, nesse caso eu passo a minha vez e lá na terceira posição indicarei dois! hahaha…

Por que eu amo: Meu tipo de humor, definitivamente. Todo mundo conhece um Jerry, uma Elaine, um Kramer ou um George, ou mesmo se sente um pouco como eles de vez em quando. Genial!

Curiosidade do “Guia das Séries”: “Em um crossover entre Seinfeld e Mad About You, no primeiro ano desta, Jamie descobre que Paul mantém seu apartamento de solteiro, caso algo dê errado entre os dois. Ela o obriga a expulsar o inquilino e a se desfazer do lugar. Descobrimos então que o homem para quem Paul subloca o local é Kramer”

Tem no Netflix Brasil? Não 🙁

5 – Desperate Housewives

desperate

Oito temporadas

180 episódios (03/10/2004 – 13/05/2002)

Música-tema, que sempre me lembra The Sims: The Desperate Housewives Theme Song, Danny Elfman.

Meu personagem favorito: Bree Hodge Van De Kamp (Marcia Cross).

O cara que eu pegaria: Tom Scavo (Doug Savant)

Por que eu amo: Mulheres maravilhosas e problemas do dia a dia. Pra pensar nos meus, nos seus e nos nossos também. Adorável, bem sacado, cheio de sutilezas e surpresas, personagens divertidas. Série incrível! Assisti do primeiro ao último episódio em pouco mais de um mês, e chorei muito no final, vício total!

Curiosidade do “Guia das Séries”: “Ao ouvir de seu filho que é gay, Bree responde: “Eu te amaria mesmo se você fosse um assassino”. Foi a mesma frase ouvida por Marc Cherry, (criador da série) quando assumiu sua homossexualidade para sua mãe.”

Tem no Netflix Brasil? Sim! \o/ Completinha, as 8 temporadas! Aqui

4 – House

house

Oito temporadas

177 episódios (16/11/2004 – 21/05/2012)

Música tema amorzinho: Teardrop, Massive Attack.

Meu personagem favorito: Gregory House (Hugh Laurie).

O cara que eu pegaria: Alguma dúvida??? Gregory House (Hugh Laurie)

Por que eu amo: Como não amar House, sua falta de ética, suas grosserias, sua petulância, e como não amar o bromance mais querido da história das séries (pelo menos das minhas, rs): House e Wilson. <3

Curiosidade do “Guia das Séries”: “Hugh Laurie gravou sua audição para House em um apartamento na Namíbia, onde filmava “O voo da fênix”. Ele não sabia o nome do programa, então acreditou que Greg era apenas o melhor amigo do protagonista, que seria Wilson. Quando assistiram ao vídeo, os produtores acreditaram em seu falso sotaque norte-americano a ponto de pensarem que a nacionalidade inglesa registrada na ficha do ator estava errada.”

Tem no Netflix Brasil? Sim!! \o/ Completinha, 8 temporadas! Aqui.

3 – Greys Anatomy

greys1

Dez temporadas (até 2014)

220 episódios (27/03/2005 – no ar)

Música-tema (chatinha): Cosy in the rocket, Psapp, mas é uma série com várias músicas legais, como Chasing Cars, por Snow Patrol e Young Folks, por Peter, Bjorn & John, pra lembrar de duas que adoro.

Meu personagem favorito: Cristina Yang (Sandra Oh).

Os caras que eu pegaria: Owen Hunt (Kevin McKidd) e menção honrosa para o fantasminha camarada Denny Duquette (Jeffrey Dean Morgan).

Por que eu amo: Porque me lembra das minhas amigas, porque me faz rir e chorar, porque tem os melhores episódios de catástrofe e as reviravoltas mais legais. E tem Cristina linda maravilhosa, salve, salve! Recentemente, aliás, MORRI de chorar na despedida da Cristina :´(

Curiosidade do “Guia das Séries”: “Cada episódio leva o título de uma música. Muitas delas são canções dos Beatles ou do R.E.M.”

Tem no Netflix Brasil? Sim, 10 temporadas!! Aqui.

2 – Gilmore Girls

gilmoregirls_couch

Sete temporadas

153 episódios (05/10/2000 – 15/05/2007)

Música tema: Where You Lead, por Carole King

Meu personagem favorito: Lorelai Gilmore (Laurem Graham).

O cara que eu pegaria: Luke Danes (Scott Patterson).

Por que eu amo: Porque acho lindo ver mãe e filha amigas e que dividem tantos gostos em comum. Me identifico com as milhões de referências a livros, filmes, músicas e ao gosto por junkie food. Muito leve, divertido e amorzinho.

Curiosidade do “Guia das Séries”: “Alexis Bledel na verdade odeia tomar café, mas sua personagem é viciada em cafeína. Para resolver o problema, a atriz pedia que colocassem Coca-Cola nas xícaras de Rory” E dá-lhe Coca-Cola!

Tem no Netflix Brasil? Não, mas tem no Netflix USA! 😀

1 – Dawson´s Creek

 dawsons

Seis temporadas – 128 episódios (20/01/1998 – 14/05/2003)

As músicas-tema que eu mais amo no mundo e choro quando ouço (verdade!): I don´t wanna wait, por Paula Cole e Run like mad, por Jann Arden. Ah! E On my own, por miss Josephine Potter <3

Meu personagem favorito: Pacey Witter (Joshua Jackson).

O cara que eu pegaria: Pacey Witter (Joshua Jackson)

Por que eu amo: Queria ter amigos como eles quando eu era adolescente. Queria pensar como eles quando eu era adolescente. Queria ser um deles quando eu era adolescente. Apesar do meu eterno amor e ódio com Dawson, consigo curtir todos os personagens e me envolver irremediavelmente com todas as cenas. É e sempre será minha série favorita. Impossível perder essa vaga para outra qualquer. O segundo lugar no meu coração eu posso até ceder, mas o primeiro jamais!

Curiosidade do “Guia das Séries”: “Quase 500 atores fizeram o teste para interpretar Dawson, antes de decidirem por James Van Der Beek”. Caramba, se entre 500 ele era o melhor, vocês imaginem os outros!! ahahahahah… amo/odeio Dawson, me julguem!

Tem no Netflix Brasil? Não 🙁

Menção Honrosa, ou: séries que eu amo e não estão no Guia: Being Erica (que está disponível completinha no Now!), Call the Midwife, Being Human, Lie to Me e Orange is The New Black (todas disponíveis no Netflix Brasil, se joga!).

SOBRE O LIVRO:

Guia das Séries – Tudo que você queria saber sobre as mais importantes dos últimos anos (Editora Évora)

Autoras: Priscila Harumi e Vana Medeiros

Preço: R$ 79,90

264 páginas em acabamento brochura

Kathy

Kathy

Jornalista, sonserina, lannister, malkaviana, dobradora do reino da Terra, distrito 3. Transmito o legado nerd ao meu rebento, Samuel, que, pobrezinho, já reclama que ninguém da escola sabe quem é Sauron e nem fazem ideia do que significa conjurar um patrono.
Kathy

Talvez você goste de:

  • Denise

    Wonder years é uma das séries mais lindas que já assisti. Amo, amo, amo! Enlouqueço cada vez que leio um rumor de que será lançada em vídeo/DVD/Bluray.
    Mais recente que Wonder years e única série que eu acompanho desde a 1° temporada, Grey’s anatomy, não largo por nada! Acho que se perdeu um pouco na temporada 9, mas não consigo deixar de ver. Yang é tudo!!! Faz uma super falta! E vc teria que dividir o Owen comigo… Lindo!

  • Pingback: Empoderamento | "Desprincesar", não! Desencarcerar, sim! - Pac Mãe()